You are here

Share page with AddThis

Dividend

Ultima atualização:
23.11.2020

Tratamento de sementes

Proteção de culturas

Authorisation Number: 
3919
Pack size: 
Embalagem de 20 e 200 L.
Composition: 
Formulation: 
Suspensão concentrada

Fungicida indicado para o tratamento de doenças transmissíveis por semente, em trigo, triticale, centeio e cevada.

O difenoconazol atua ao nível da parede celular dos fungos, inibindo a biosíntese da ergosterol. Sistemia localizada típica dos triazóis.

Centeio

Podridão da raiz e do caule (Cochliobolus sativus) e Fusariose (Fusarium sp., Monographella nivalis)
Dose máxima individualVolume de águaRecomendaçõesIntervalo de segurança

200 mL/100 Kg de semente

-

Aconselha-se uma única aplicação, em tratamento de sementes antes da sementeira.

-

Cevada

Helmintosporiose (Pyrenophora graminea), Podridão da raiz e do caule (Cochliobolus sativus), Fusariose (Fusarium sp., Monographella nivalis) e Morrão (Ustilago segettum var.hordei)
Dose máxima individualVolume de águaRecomendaçõesIntervalo de segurança

200 mL/100 Kg de semente

-

Aconselha-se uma única aplicação, em tratamento de sementes antes da sementeira.

-

Trigo e Triticale

Cárie ou Fungão (Tilletia caries), Podridão da raiz e do caule (Cochliobolus sativus), Fusariose (Monographella nivalis, Fusarium culmorum), Septoriose (Septoria nodorum) e Morrão coberto (Ustilago tritici)
Dose máxima individualVolume de águaRecomendaçõesIntervalo de segurança

200 mL/100 Kg de semente

-

Aconselha-se uma única aplicação, em tratamento de sementes antes da sementeira.

-

Classificação, rotulagem e embalagem (CRE)

  • GHS07

  • GHS09

Avisos legais

Declarações de precaução

  • Pode provocar uma reação alérgica cutânea.
  • Muito tóxico para os organismos aquáticos com efeitos duradouros.
  • Evitar respirar as névoas.
  • Não pode entrar em contacto com os olhos, a pele ou a roupa.
  • Não comer, beber ou fumar durante a utilização deste produto.
  • Usar luvas de proteção.
  • Em caso de irritação ou erupção cutânea: consulte um médico.
  • Retirar a roupa contaminada e lavá-la antes de a voltar a usar.
  • Recolher o produto derramado.
  • Eliminar o conteúdo e a embalagem em local adequado à recolha de resíduos perigosos.
  • Ficha de segurança fornecida a pedido. • Não poluir a água com este produto ou com a sua embalagem.
  • Contém 1,2-benzisotiazol-3-ona. Pode provocar uma reação alérgica.
  • Não contaminar a água com este produto ou com a sua embalagem.
  • Não utilizar as sementes tratadas na alimentação humana ou animal.
  • O aplicador deverá usar: luvas de proteção e vestuário de proteção durante a preparação da calda, manuseamento do produto, contacto com equipamento contaminado e manuseamento das sementes tratadas.
  • Após o tratamento lavar bem o material de proteção tendo cuidado especial em lavar as luvas por dentro.

Modo de Preparação da Calda e Utilização

No recipiente onde se prepara a calda deitar metade da água necessária. Agitar bem a embalagem até o produto ficar homogéneo. Numa vasilha juntar a quantidade de produto a utilizar com um pouco de água e agitar bem até obter uma mistura homogénea. Deitar esta mistura no recipiente e completar o volume de água, agitando sempre.

Aconselha-se uma única aplicação, em tratamento de sementes antes da sementeira. A aplicação deverá fazer-se com máquina adequada que impregne uniformemente toda a semente. Em sistemas de fluxo contínuo, utilizar o produto diluído em 400-500 mL de água por 100 Kg de semente. Nestes sistemas, é indispensável a prévia calibração da máquina, com o produto uma vez que o fluxo pode variar em função do mesmo. No caso de se ter efetuado a diluição em água, a calda deve aplicar-se nas 24 horas seguintes à sua preparação.

Precauções Biológicas

Não se deve aplicar este produto em locais onde se verifiquem quebras de eficácia após aplicações repetidas com fungicidas com o mesmo modo de acção – DMI. Em macieira e pereira efetuar no máximo 4 aplicações anuais, por cultura e no conjunto das doenças visadas, com este ou outro fungicida com o mesmo modo de ação. Nas restantes culturas efetuar no máximo 2 tratamentos com este ou outro fungicida com o mesmo modo de ação.

Em macieira e pereira, se durante as 2 horas que se seguirem a uma aplicação do SCORE 250 EC se verificar queda de chuva, deve repetir-se o tratamento pois o produto não teve tempo para penetrar nos órgãos vegetativos.

  • Em caso de intoxicação contactar o Centro de Informação Antivenenos. Telef: 800 250 250

  • Protecção Integrada

    Segundo a Directiva do Uso Sustentável (Directiva 2009/128/CE) que foi transposta para a Lei nº 26/2013 (a 11 de Abril), é obrigatória a aplicação dos príncipios gerais da Protecção Integrada por todos os utilizadores profissionais. Cumprido esses príncipios gerais, todos os produtos fitofarmacêuticos autorizados em Portugal, para o combate aos inimigos das culturas são passíveis de ser utilizados em Protecção Integrada.

    L.M.R.

    Informação relativa aos LMRs, consultar a informação na página oficial da EU:: Informação relativa aos LMRs, consultar a informação na página oficial da EU: http://ec.europa.eu/food/plant/pesticides/eu-pesticides-database/public/?event=activesubstance.selection&language=EN